China poderá vir a criar parques industriais em Moçambique

1 August 2016

A China poderá envolver-se na criação, em Moçambique, de parques industriais orientados para a modernização da agricultura e para a criação de bases para a industrialização, disse em Pequim a vice-ministra dos Negócios Estrangeiros e Cooperação de Moçambique.

A secretária de Estado Nyeleti Mondlane participou na capital chinesa no 4.º Fórum para a Cooperação China/África, que decorreu de  28 a 30 de Julho passado.

A reunião de Pequim juntou mais de 100 responsáveis ministeriais africanos e tinha em vista definir de que forma poderão os países africanos beneficiar do financiamento de 60 mil milhões de dólares colocados à disposição pelo Presidente chinês, Xi Jinping, durante a Cimeira de Joanesburgo.

Citada pelo matutino Notícias, de Maputo, Nyeleti Mondlane disse ter-se a China comprometido, no âmbito do apoio ao desenvolvimento e modernização da agricultura em África, em executar uma centena de projectos numa série de países e em enviar trinta equipas de especialistas para o continente, além de estabelecer mecanismos de cooperação com institutos africanos de pesquisa em agricultura.

A secretária de Estado salientou que os parques industriais deverão ter como resultado que Moçambique saia de uma agricultura de subsistência para uma de sustentabilidade, moderna e cujos produtos possam entrar na cadeia comercial e industrial. (Macauhub/CN/MZ)

MACAUHUB FRENCH