Grupo chinês BYD procura expandir-se no Brasil com associação aos Correios

2 August 2016

O grupo automóvel chinês BYD (http://www.byd.com/) está a aprofundar o seu relacionamento com o grupo Correios, o maior serviço postal do Brasil, a fim de se expandir naquele mercado, disse uma fonte oficial do grupo com sede em Shenzhen ao jornal China Daily.

Em Março passado, o grupo BYD cedeu uma carrinha eléctrica do modelo T3 ao grupo Correios, que está a avaliar soluções logísticas “verdes” através da realização de um conjunto de testes com veículos eléctricos de diferentes fabricantes, muito em particular aqueles que prometem eficiência energética no tráfego urbano.

No final dos testes, prosseguiu a fonte, o grupo Correios vai lançar um concurso público para a aquisição de veículos eléctricos e “contamos apresentar uma proposta.”

As carrinhas T3 dispõem de um compartimento para carga com uma capacidade de 800 quilogramas e uma autonomia de 200 quilómetros, representando este possível negócio no Brasil a primeira vez que irá circular no estrangeiro.

O grupo BYD entrou no Brasil em 2013 com autocarros eléctricos, mais tarde introduziu táxis eléctricos e veículos comerciais igualmente eléctricos e em 2014 construiu uma fábrica no Brasil.

Constituída em 1995 e cotada nas bolsas de valores de Hong Kong e de Shenzhen, o grupo privado BYD especializou-se em quatro sectores de actividades – tecnologias de informação, automóveis, véículos movidos a energias renováveis e sistemas ligeiros de metropolitano. (Macauhub/BR/CN)

MACAUHUB FRENCH