Cobalt anuncia fim do negócio com a angolana Sonangol

25 August 2016

A venda das participações em dois blocos petrolíferos em Angola à estatal Sonangol por 1,75 mil milhões de dólares ficou definitivamente sem efeito, anunciou quarta-feira o grupo norte-americano Cobalt International Energy Inc.

Em comunicado, o grupo acrescentou que a autorização governamental devia ter sido concedida no prazo máximo de um ano pelo que, não tendo sido emitida, o negócio ficou sem efeito, indo as referidas participações ser colocadas de imediato à venda.

Em Agosto de 2015, o grupo norte-americano anunciou ter vendido à estatal Sonangol as participações que detinha naqueles dois blocos por 1,75 mil milhões de dólares, menos 19,7 milhões de dólares em impostos.

No início de Agosto corrente, o grupo anunciou que iria procurar vender as duas participações de 40% em dois blocos petrolíferos em Angola a “terceiros” depois da estatal Sonangol ter desistido do negócio, informou o grupo em comunicado ao mercado.

No comunicado divulgado em Houston, o grupo informou ainda ter havido uma reunião em finais de Julho entre o presidente executivo Tim Cutt e a presidente executiva da Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola, Isabel dos Santos, para discutir a venda daquelas duas participações.

Nessa reunião, prosseguiu o comunicado, as partes acordaram que a Cobalt International Energy iria procurar vender as participações de 40% que controla nos blocos 20 e 21 a “terceiros.” (Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH