PIB de Macau regista queda de 10,3% no 1.º semestre de 2016

31 August 2016

A economia de Macau registou uma contracção de 10,3% em termos reais no primeiro semestre de 2016, informou a Direcção de Serviços de Estatística e Censos (DSEC).

Nos primeiros seis meses do ano observaram-se quebras nos principais componentes do Produto Interno Bruto – de -2,3% na despesa de consumo privado, -23,5% na formação bruta de capital fixo ou investimento, de -24,7% nas exportações de bens, de -18,1% nas importações de bens, de -11,7% nas exportações de serviços e de -3,4% nas importações de serviços.

No segundo trimestre, a economia de Macau contraiu-se 7,1% em termos reais, valor que é inferior à queda de 13,3% observada no primeiro trimestre do ano.

A melhoria observada ficou a dever-se, de acordo com aqueles serviços, ao atenuamento da tendência decrescente das exportações de serviços e do investimento.

No segundo trimestre as exportações de serviços do jogo e dos outros serviços turísticos desceram 12,0% e 7,4%, respectivamente, tendo sido inferiores aos valores de -17,1% e -11,0% no registados no primeiro trimestre.

O deflactor implícito do PIB do segundo trimestre (que mede a inflação global) aumentou 0,1% em termos anuais. (Macauhub/MO)

MACAUHUB FRENCH