Banco Nacional Ultramarino (Macau) com lucro de 70 milhões de dólares em 2016

15 February 2017

O Banco Nacional Ultramarino (Macau), do grupo estatal financeiro português Caixa Geral de Depósitos, obteve em 2016 um lucro de 560,5 milhões de patacas (70 milhões de dólares), montante que representa um crescimento anual de 9,8%, informou a instituição em comunicado divulgado terça-feira.

Ao anunciar os resultados financeiros não-auditados relativos a 2016, o BNU informou ainda ter conseguido “um bom desempenho ao nível da evolução da solvência, liquidez e rentabilidade”, não obstante Macau ter estado a atravessar nos últimos anos uma situação económica menos favorável e apesar da intensificação da concorrência no sector bancário.

O comunicado divulgado refere que o sector bancário em Macau tem estado num processo de intensificação da concorrência, o que faz com que as margens de lucro associadas a alguns dos produtos bancários comercializados tenham diminuído.

Os depósitos cresceram 2,1% em 2016, embora a relação empréstimos/depósitos tenha caído de 53% em 2015 para 51% em 2016, mas o número médio de produtos bancários por cliente aumentou para 3,49 em 2016, contra 3,41 em 2015.

O BNU anunciou igualmente que a receita com os cartões de crédito cresceu 3,3%, “devido a uma maior fidelização dos clientes e ao aumento da venda cruzada de produtos, não obstante o forte impacto negativo causado pela contracção dos sectores do Turismo e do Jogo.”

O presidente da Comissão Executiva do banco, Pedro Cardoso, destaca no comunicado a abertura da agência da ilha de Hengqin, no município chinês de Zhuhai, dizendo que a mesma “representa um passo inovador no acompanhamento dos nossos clientes de Macau para a China continental, suprindo as suas necessidades em serviços financeiros transfronteiriços, e fazendo ainda a ponte entre a China e os países de língua portuguesa.” (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH