Portugal assina novo Programa Estratégico de Cooperação com Cabo Verde

17 February 2017

Portugal vai apoiar Cabo Verde com 120 milhões de euros ao abrigo do novo Programa Estratégico de Cooperação (PEC) 2017/2021, que será assinado segunda-feira, na Praia, durante a cimeira entre os dois países, disse quinta-feira a embaixadora de Portugal em Cabo Verde.

Helena Paiva disse ainda à agência noticiosa Lusa que educação, língua e cultura, ciência e inovação, segurança, saúde e assuntos sociais, energia, ambiente e alterações climáticas constam do leque de prioridades do novo programa de desenvolvimento de Cabo Verde.”

A verba do novo Programa Estratégico de Cooperação mais que duplica o valor indicativo de 56 milhões do programa de cooperação anterior (2012/2016).

Helena Paiva fez, no entanto, questão de precisar que a ajuda pública ao desenvolvimento prestada por Portugal a Cabo Verde ascendeu a cerca de 400 milhões de euros até 2015, onde se incluem quatro linhas de crédito destinadas à infra-estruturação do país.

Portugal e Cabo Verde realizam segunda-feira, na Praia, a IV Cimeira bilateral, altura em que será rubricado, pelos chefes de governo António Costa e Ulisses Correia e Silva, o Programa Estratégico de Cooperação (PEC).

Em declarações recentes, o primeiro-ministro de Cabo Verde anunciou que o perdão da dívida contraída para financiar o programa habitacional “Casa para Todos” é uma possibilidade que está a ser negociada com o governo de Portugal.

O programa “Casa para Todos”, gerido pela Imobiliária Fundiária e Habitat (IFH), foi lançado pelos governos do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), agora na oposição, e financiado ao abrigo de uma linha de crédito portuguesa de 200 milhões de euros. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH