Portugal negoceia com Angola reforço de uma linha de crédito para 1500 milhões de euros

20 February 2017

Portugal está a negociar com Angola o aumento do montante de uma linha de crédito para 1500 milhões de euros, disse o presidente da Companhia de Seguros de Créditos (Cosec) em entrevista conjunta à estação de rádio Antena 1 e ao Jornal de Negócios.

Miguel Gomes da Costa salientou que a linha de crédito esteve sem utilização, atendendo a que Angola conseguiu alternativas de financiamento mais interessantes do que as oferecidas pelos bancos portugueses.

Garantiu, no entanto, que o governo angolano está actualmente interessado em aproveitar as verbas colocadas à disposição para projectos de obras públicas de médio prazo, nomeadamente entre dois a sete anos.

Admitindo que a sinistralidade relativamente a Angola, tanto ao nível do incumprimento do importador como ao nível do risco de transferência, cresceu, Miguel Gomes da Costa assinalou, por outro lado, que se tem verificado uma melhoria de pagamentos nas transferências.

O presidente da Cosec recordou ter o governo português renovado em 350 milhões de euros as garantias para seguros de crédito em países de risco político, para 2017, uma linha criada em 2009 que permitiu às empresas continuarem a exportar para países fora da União Europeia e da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económicos (OCDE). (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH