Macau “muito interessado” em São Tomé e Príncipe, afirma presidente do IPIM

O Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) está “muito interessado” em São Tomé e Príncipe, aguardando a formalização do estabelecimento de relações entre os dois países, disse à Macauhub em Lisboa o presidente da instituição.

Após a declaração de restabelecimento de relações diplomáticas, a 26 de Dezembro de 2016, o processo “está a decorrer” a nível diplomático e o IPIM tem “de esperar por directivas claras do governo central chinês”, tendo em vista o seu trabalho de promoção das relações comerciais, disse Jackson Chang.

“Claro que o IPIM tem interesse em explorar o mercado de São Tomé e Príncipe, através da realização de missões que envolvam empresas chinesas”, adiantou Chang em Lisboa, à margem de um encontro de uma delegação da região do Pan-Delta do Rio das Pérolas com empresas e associações portuguesas do sector ambiental.

O presidente do IPIM salientou já ter estado em todos os países de língua portuguesa, à excepção de São Tomé e Príncipe e informou que, provavelmente, irão ser convidados homens de negócios são-tomenses para a edição de 2017 do encontro de empresários da China e dos países de língua portuguesa.

São Tomé e Príncipe e a República Popular da China restabeleceram relações diplomáticas a 26 de Dezembro de 2016 em detrimento de Taiwan.

O restabelecimento das relações diplomáticas vai, de acordo com o novo secretário-geral adjunto do Fórum de Macau, Ding Tian, possibilitar a reunião de todos os países de língua portuguesa no organismo. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH