Grupo de seis bancos de Angola vai ter direito a 80% das divisas vendidas em mercado primário

28 March 2017

O Banco Nacional de Angola vai seleccionar um grupo de cinco ou seis bancos comerciais que ficará com 80% das divisas que o banco central coloca no mercado primário, de acordo com a primeira de cinco medidas constantes de um proposta sobre “Ajustamento do quadro operacional do mercado cambial.”

Os cinco ou seis bancos comerciais seleccionados, de entre os 28 que operam no mercado de Angola, são, de acordo com o documento citado pelo jornal angolano Expansão, o Angolano de Investimento, BIC, Económico, Millennium Atlântico, de Negócios Internacional e Sol.

Os restantes 22 bancos autorizados a exercer o comércio de câmbios ficarão com os restantes 20% das divisas a colocar no mercado primário que é o mercado onde o BNA vende e compra divisas aos bancos, por oposição ao mercado secundário que é o mercado onde os bancos compram e vendem divisas aos clientes.

A proposta do Ministério das Finanças foi elaborada tendo por base cinco critérios, nomeadamente o histórico de operações, a capacidade de controlo interno, observância em matéria de branqueamento de capitais e combate ao terrorismo, respeito pelas prioridades definidas pelo governo e robustez e solidez.

A quantidade de divisas a ser vendidas será definida trimestralmente pelo governo, com base numa proposta do Banco Nacional de Angola e no caso da parcela destinada a bens alimentares e cabaz básico a proposta do banco central será feita em conjunto com os ministérios do Comércio e das Finanças. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH