Grupo Castel planta milho para produzir cerveja em Angola

10 April 2017

O grupo francês Castel deverá assinar a curto prazo um contracto com a Sociedade de Desenvolvimento do Pólo Agro-Industrial de Capanda (Sodepac) relativo à concessão de um terreno com 4500 hectares para a produção de milho, afirmou o administrador-delegado da Companhia União de Cervejas de Angola (CUCA).

 

Esta empresa, constituída em 26 de Abril de 1952, foi nacionalizada em Maio de 1976, após a independência de Angola, tendo posteriormente sido vendida ao grupo francês na sequência de um processo de privatização de empresas públicas.

 

O administrador-delegado Philipp Frederic disse ainda, de acordo com o Jornal de Angola, que o milho a ser plantado no terreno a ser conseguido em regime de concessão terá como destino a produção de cerveja, de que o grupo é um dos grandes produtores em Angola e em África.

 

Philipp Frederic disse no final de uma audiência com o governador provincial de Malanje, Norberto dos Santos, que a colheita prevista ascende a 24 mil toneladas de milho por ano.

 

O grupo Castel é um negócio familiar constituído em Bordéus em 1949 por um conjunto de nove irmãos e irmãs, tendo-se centrado inicialmente na produção e comercialização à escala mundial de vinhos franceses.

 

Com a aquisição da Brasseries et Glacières Internationales (BGI) em 1990, o grupo expandiu a sua actividade com o negócio da cerveja e dos refrigerantes na África de língua francesa, a que se juntaram posteriormente outros países, caso de Angola. (macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH