Novo embaixador da China na Guiné-Bissau entrega cartas credenciais ao Presidente da República

13 April 2017

O novo embaixador da República Popular da China na Guiné-Bissau, Jin Hongjun, entregou quarta-feira as cartas que o acreditam junto do Estado guineense ao Presidente da República, José Mário Vaz.

 

Na ocasião, o novo diplomata chinês disse que existe muito trabalho a fazer no âmbito da cooperação bilateral, tendo apontado a agricultura como o sector a privilegiar, dado ter sido essa a preocupação manifestada por José Mário Vaz durante a audiência.

 

“Precisamos concentrar esforços no desenvolvimento da agricultura, nomeadamente na produção de mais arroz”, destacou Jin Hongjun, que apontou ainda os sectores das pescas, educação e saúde como as outras em que o seu país tem feito “algo palpável” e que não vai ser descurado ao longo da sua estada na Guiné-Bissau.

 

Jin Hongjun predispôs-se a trabalhar no sentido de fortificar os laços de amizade e de cooperação existentes e acrescentou que a China tem grande responsabilidade em apoiar a Guiné-Bissau nesta sua fase do desenvolvimento.

 

Décimo segundo embaixador da República Popular da China na Guiné-Bissau, Jin Hongjun fala fluentemente a língua portuguesa, tendo estudado na Universidade de Coimbra, em Portugal.

 

O novo embaixador da China na Guiné-Bissau, de 49 anos, desempenhou funções nas embaixadas da China em Portugal e Angola, bem como no Gabinete do Comissário do Ministério dos Negócios Estrangeiros em Macau. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH