Projecto de produção de adubos lançado na província do Zaire, em Angola

12 June 2017

A primeira pedra do Projecto Integrado de Exploração e Transformação de Fosfato do Lucunga (PIETFL), município do Tomboco, província do Zaire, foi lançada sexta-feira, assinalando o início de um investimento global de 132 milhões de dólares levado a cabo pelo empresa angolana Vale Fértil.

A área de concessão deste projecto é de 504 quilómetros quadrados, estando estimada a existência de 215 milhões de rochas fosfatadas e jazigos com cerca de 71 milhões de toneladas, com teores de fosfato a rondar 10%.

Este projecto tem por objectivo a produção de adubos para o mercado interno e para exportação, tendo os direitos mineiros sido outorgados à empresa Vale Fértil por despacho do ministro da Geologia e Minas com data de 1 de Junho, dando cumprimento ao Decreto Presidencial de 8 de Junho de 2015.

O investimento será dividido em cerca de 50% para os dois primeiros anos e os outros 50% para o terceiro ano, estando previsto que a produção de adubos tenha início em 2019 com 330 mil toneladas e um valor de mercado de 76 milhões de dólares e que atinja 550 mil toneladas em 2022 e um valor de 126 milhões de dólares.

A mina está localizada na localidade de Lucunga e as unidades de transformação mineral (calcinação e granulação) no Pólo Industrial do Soyo, uma localização feita na óptica da estratégia de dinamização gradual do Pólo de Desenvolvimento Mineiro do Lucunga (PDML). (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH