Turismo da China abre escritório em São Paulo, Brasil

27 June 2017

São Paulo, Brasil, foi a cidade escolhida para receber o primeiro escritório da Administração Nacional de Turismo da China na América Latina, disse o vice-director de Marketing e Cooperação Internacional da instituição, de acordo com o jornal brasileiro DCI – Diário Comércio, Indústria & Serviços.

Feng Litao disse ainda que o projecto de abrir um escritório em São Paulo foi já autorizado pelo governo e acrescentou que a data exacta da abertura não está ainda definida, uma vez que só agora vão ter início as tarefas conducentes à sua abertura.

O responsável adiantou que o objectivo a que preside a abertura do escritório é divulgar na América Latina inúmeros destinos na China e, dessa forma, alimentar uma indústria que no ano passado já movimentou o equivalente a 10,26% do Produto Interno Bruto chinês.

A China recebeu 138 milhões de turistas estrangeiros em 2016, um aumento de 3,8% em termos homólogos, número pouco superior aos 122 milhões de chineses que se deslocaram nesse ano para destinos no exterior do país, com um aumento de 12%.

Feng Litao disse que estes números são, no entanto, diminutos quando comparados com os contabilizados no turismo interno, com os chineses a viajarem uma média de duas a três vezes por ano, o que ascende a 4,4 mil milhões de pessoas.

A Organização Mundial do Turismo informou que os turistas chineses são, desde 2012, os que mais gastam nas suas viagens ao estrangeiro, com um total de 109,8 mil milhões de dólares em 2016.

O vice-director de Marketing e Cooperação Internacional da Administração Nacional de Turismo da China salientou que os turistas chineses quando se deslocam aos Estados Unidos, por exemplo, gastam uma média de 7000 dólares, sendo essa a razão pela qual diversos países têm procurado atrair esses visitantes com a concessão de facilidades, nomeadamente as relacionadas com a exigência de vistos de entrada. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH