Banco de Moçambique inaugura nova sede na cidade de Maputo

4 July 2017

O Banco de Moçambique despendeu 300 milhões de dólares dos seus recursos próprios para mandar construir a nova sede em Maputo, um conjunto de três edifícios no centro da cidade que ocupa uma área de mais de 87,5 mil metros quadrados, segunda-feira inaugurada pelo Presidente da República.

O edifício principal, designado Torre de Escritórios, tem 29 andares e ocupa uma área de 25 900 metros quadrados, o segundo maior, o Silo Auto, tem 19 andares e ocupa uma área de 56 mil metros quadrados, sendo a parte traseira dos 14 primeiros andares reservados a estacionamento automóvel.

O terceiro edifício, o mais pequeno, é chamado de Pólo Técnico, albergando nos seus seis andares equipamento diverso, caso de transformadores de energia eléctrica e geradores de emergência.

A empreitada de construção, que começou em 2011, foi adjudicada à empresa portuguesa Teixeira Duarte e tinha como objectivo principal modernizar a antiga sede do banco central, melhorar as condições de trabalho do pessoal e garantir uma melhor oferta de serviços bancários ao Estado e a outras instituições.

O banco central informou que o projecto de construção incluiu elementos de segurança e tecnológicos que vão garantir o manuseamento e armazenamento de dinheiro de acordo com padrões internacionais e acrescentou que o anterior edifício-sede estava desajustado das necessidades actuais, dado ter sido inaugurado em 1964.

Este edifício, construído para albergar a sede em Moçambique do Banco Nacional Ultramarino, manter-se-á na posse do Banco de Moçambique, de acordo com declarações proferidas segunda-feira pelo governador Rogério Zandamela. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH