China e Portugal reforçam cooperação no âmbito da iniciativa Uma Faixa uma Rota

12 July 2017

A República Popular da China e Portugal acordaram terça-feira, em Lisboa, promover a cooperação económica e comercial e o intercâmbio bilateral no âmbito da iniciativa “Uma Faixa e Uma Rota” que pretende revitalizar as ligações históricas que ligaram o Oriente ao Ocidente.

O presidente do Comité Permanente da Assembleia Nacional da República Popular da China, Zhang Dejiang e o presidente da Assembleia da República de Portugal, Ferro Rodrigues, assinaram um memorando de entendimento com o objectivo de reforçar os instrumentos jurídicos e políticos com vista a aumentar a cooperação económica bilateral.

O documento refere ainda que os dois órgãos legislativos comprometem-se a fiscalizar e impulsionar os respectivos governos na concretização dos acordos de cooperação em todos os domínios, reforçando assim as sinergias entre as estratégias de desenvolvimento dos dois países.

Zhang Dejiang, a terceira figura do Estado chinês, que se encontra de visita a Portugal, esteve igualmente presente numa cerimónia realizada na capital portuguesa que marcou o início dos voos da Beijing Capital Airlines, do grupo Hainan Airlines (HNA), entre Lisboa e Pequim a partir do dia 26 de Julho.

O primeiro-ministro português António Costa, presente na cerimónia, disse esperar que os voos sejam um reforço de Portugal como grande centro intercontinental de operações.

Costa disse estar optimista de que o actual número de três voos semanais venha a aumentar e que haja uma diversificação de destinos em Portugal, designadamente para a cidade do Porto.

O primeiro-ministro português voltou a referir que o Porto de Sines, pela sua posição na Europa, pode ser uma peça fundamental da iniciativa chinesa da Rota Marítima da Seda do Século XXI.(Macauhub)

MACAUHUB FRENCH