São Tomé e Príncipe recebe nova equipa médica da China

A ministra da Saúde de São Tomé e Príncipe, Maria de Jesus Trovoada, deu quarta-feira as boas-vindas à segunda equipa médica enviada pela China e agradeceu aos membros da primeira equipa o apoio prestado à população bem como os conhecimentos transmitidos aos quadros locais do sector.

A recepção da segunda equipa médica, que substituiu a primeira que permaneceu no arquipélago durante seis meses, teve lugar numa cerimónia realizada em São Tomé, que contou com a presença do embaixador da China, Wang Wei.

A nova missão médica chinesa é composta por sete especialistas nas áreas de cardiologia, estomatologia, dermatologia e cirurgia geral, tendo inovado relativamente à primeira equipa com a inclusão de um especialista em acupuntura.

Além de prestação de serviços no maior centro de saúde de São Tomé, o Hospital Ayres de Menezes, a equipa chinesa tem prestado assistência nos outros centros de saúde do arquipélago.

A cooperação chinesa no sector da saúde inclui ainda a intervenção de uma equipa chinesa especializada em acções de combate à malária, em substituição de Taiwan que despendia cerca de um milhão de dólares por ano neste projecto.

A cooperação entre São Tomé e Príncipe e a China abrange, além da saúde, os sectores da agricultura, energia e infra-estruturas, turismo, pescas e assistência técnica. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH