Grupo China Gezhouba Group Co. constrói maior barragem hidroeléctrica de Angola

7 August 2017

O grupo China Gezhouba Group Co., Ltd (CGGC) foi contratado para construir o aproveitamento hidroeléctrico de Caculo Cabaça no rio Cuanza, na província do Cuanza Norte, tendo a primeira pedra sido colocada sexta-feira pelo Presidente da República de Angola, escreveu a agência noticiosa Xinhua.

O vice-director-geral do grupo, Ren Jianguo, disse que este aproveitamento hidroeléctrico é o maior a ser actualmente construído por uma empresa chinesa em África e acrescentou que uma vez concluído, o que se prevê aconteça em 2023, irá produzir 2172 megawatts, mais 102 megawatts do que a barragem de Laúca, inaugurada sexta-feira.

Este projecto tem um valor de adjudicação de 4,5 mil milhões de dólares, tem um prazo de execução de 80 meses e irá envolver a contratação de mais de 10 mil trabalhadores durante o pico de construção.

O grupo China Gezhouba Group Co., Ltd será ainda responsável pela manutenção do aproveitamento durante um período de quatro anos e pela formação de um grupo de técnicos que irá assegurar posteriormente o funcionamento da barragem e dos equipamentos de produção de energia eléctrica.

O embaixador da China em Angola, Cui Aimin, que presenciou o acto de lançamento da primeira pedra, recordou que a China é actualmente o maior parceiro comercial de Angola e que este país é o segundo maior da China no continente africano.

Igualmente na sexta-feira, o Presidente de Angola inaugurou a entrada em funcionamento da primeira de um conjunto de seis turbinas com uma capacidade de produção de 334 megawatts, do aproveitamento hidroeléctrico de Laúca.

Com uma altura de 156 metros, 1200 metros de comprimento e abrangendo uma área de 24 mil hectares, incluindo a albufeira, este aproveitamento tem uma central principal, com seis grupos geradores de 334 megawatts cada e uma central ecológica de 65 megawatts.

Laúca localiza-se em território da província de Malanje, mais exactamente num troço do curso do rio Cuanza que fica entre a confluência dos rios Sevi e Catoco (limite das províncias de Malanje e Cuanza Sul).  (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH