Fundo Soberano de Angola investe 20 milhões de dólares numa exploração agrícola

14 September 2017

O Fundo Soberano de Angola já investiu 4,2 milhões de dólares do montante previsto de 20 milhões de dólares na Fazenda Pedras Negras, disse a directora de relações públicas da Quantum Global Group, empresa gestora da exploração agrícola localizada no município de Cacuso, província de Malanje.

Reginalda Pedro disse ainda que o investimento do Fundo Soberano iniciou-se em 2016, tendo o montante já disponibilizado sido aplicado na compra de equipamentos e de factores de produção, “que contribuirão para a produção e transformação de cereais, como a massambala (conhecido por mapira em Moçambique), soja e milho em farinha e rações para animais.”

A directora de relações públicas da empresa gestora do empreendimento informou estarem actualmente a ser preparados 3500 hectares para a sementeira de milho, 900 hectares para massambala e 500 para soja, com previsão de colheita de 14 mil toneladas de milho, 1250 de soja e 2800 toneladas de massambala.

A produção terá por destino o abastecimento do mercado angolano e, quando um dia o país atingir a auto-suficiência alimentar, a exportação, disse Reginalda Pedro.

Criada em 2012, a Fazenda Pedras Negras é um projecto financiado pelo Fundo Soberano de Angola e gerido pela empresa angolana Quantum Global Group, ocupando uma área de 13 mil hectares destinados inicialmente a produção de cereais para o mercado nacional. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH