Macau terá crescimento real de 13,4% em 2017, FMI

12 October 2017

A economia de Macau deverá este ano registar um crescimento real de 13,4%, depois de em 2016 se ter contraído em 2,1%, igualmente em termos reais, de acordo com o relatório “World Economic Outlook” divulgado em Washington pelo Fundo Monetário Internacional.

A previsão agora efectuada representa um aumento significativo de 10,6 pontos percentuais relativamente à estimativa anunciada em Abril, em que o FMI previa para Macau um crescimento económico de 2,8%.

Para os anos de 2018 e 2022 o Fundo Monetário Internacional antecipa agora taxas de crescimento de 7,0% e 4,3%, respectivamente, representando a previsão para o primeiro dos dois anos uma revisão em alta de 5,3 pontos percentuais relativamente à previsão anunciada em Abril.

O FMI prevê ainda que a taxa de desemprego de Macau manter-se-á em níveis baixos próximos de 2,0% e que a conta financeira integrada do governo local continuará positiva tanto este ano como no próximo.

O FMI iniciou em 2014 a “Consulta ao Abrigo do Artigo IV” à Região Administrativa Especial de Macau da República Popular da China, bem como a recolha regular de dados económico-financeiros de Macau, para efeitos de avaliação global.

A Região Administrativa Especial de Macau passou a ser incluída nas previsões macro-económicas do “World Economic Outlook” em Abril de 2016. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH