Fórum de jovens empresários e centro de intercâmbio de inovação marcam início da MIF 2017

Cerca de 400 pessoas participaram quarta-feira, em Macau, no início do Fórum de Jovens Empresários marcado igualmente pelo lançamento do Centro de Intercâmbio sobre a Inovação e o Empreendedorismo dos Jovens entre a China e os Países de Língua Portuguesa.

Na altura foi igualmente anunciado a assinatura de um protocolo que visa criar uma agência de crédito à exportação para apoiar empresas que pretendam realizar negócios nos países de língua portuguesa.

O secretário de Estado da Internacionalização de Portugal, Eurico Brilhante Dias, anunciou a assinatura hoje de um protocolo entre a Companhia de Seguros de Crédito (Cosec) e a Autoridade Monetária de Macau com vista à criação de uma agência de créditos à exportação (ECA).

“O objectivo é que seja uma plataforma que os países de língua portuguesa possam usar para garantir os seus créditos de exportação, ou mesmo os custos de caução para algumas operações. Falo em particular da construção civil, de obras públicas, e de serviços na área da metalo-mecânica”, disse Eurico Dias.

A Cosec, entidade autorizada pelo Estado Português a conceder seguros e financiamento para operações de exportação, vai dar assistência técnica com vista à criação de uma ECA, com sede em Macau, que disponibilize seguros à exportação para países de língua portuguesa.

“Quando se exporta para países de elevado risco político, o risco de não receber leva a que a garantia de Estado seja importante. Os seguros de caução, são também importantes para poder ganhar concursos públicos internacionais, porque a maioria das vezes é preciso prestar garantia para poder executar obras e serviços”, referiu ainda o secretário de Estado.

O Fórum serviu ainda para oficializar o lançamento do Centro de Intercâmbio e Inovação e do Empreendedorismo para Jovens da China e dos Países de Língua Portuguesa, que foi estabelecido pelo governo de Macau e vai funcionar no mesmo espaço do Centro de Incubação de Negócios para os Jovens de Macau, com abertura prevista para Dezembro.

Este projecto resulta de um acordo de colaboração entre os Serviços de Economia de Macau e a empresa governamental Parafuturo que ficará encarregada da gestão do centro.  (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH