Banco Mundial apoia Orçamento Geral do Estado de Angola para 2018

3 November 2017

O Banco Mundial vai apoiar o Orçamento Geral do Estado de Angola para 2018, que deve ser apreciado ainda este mês pelo Conselho de Ministros e aprovado pela Assembleia Nacional até Dezembro, garantiu o vice-presidente do Banco Mundial para África, Makhtar Diop.

Makhtar Diop, visitou Angola nos dias 31 de Outubro a 2 de Novembro, no âmbito da revisão estratégica de integração regional, inserida no quadro das prioridades de 2017, tendo sido recebido em audiência pelo Presidente João Lourenço com quem analisou precisamente a questão do apoio ao Orçamento de Estado.

Citado pela imprensa angolana, o quadro do Banco Mundial disse estar a ser estudada a possibilidade de apoio orçamental nos sectores da educação, saúde, energia e águas e agricultura, mas escusou-se a adiantar um valor para apoiar o primeiro dos cinco mandatos do novo Presidente angolano.

Fruto de negociações entre Angola e o Banco Mundial, as partes acreditam ser necessário um aumento do pacote financeiro para apoiar importantes projectos do sector social, com realce para os sectores da electricidade e do saneamento, tendo em conta as necessidades de financiamento do país nos próximos anos.

Antes da audiência com o Presidente da República, Makhtar Diop reuniu-se com o ministro das Finanças, com o governador do Banco Nacional de Angola, com os ministros da Economia e Planeamento, da Energia e Águas e da Saúde e com os secretários de Estado da Agricultura, Educação e do Orçamento.

O ministro das Finanças, Archer Mangueira, afirmou que o Orçamento Geral do Estado para 2018 está já a ser elaborado e adiantou que há um cronograma aprovado pelo Conselho de Ministros que prevê a sua apreciação ainda este mês. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH