Importações chinesas de soja do Brasil atingem 50 milhões de toneladas de Janeiro a Outubro

28 November 2017

As empresas brasileiras já exportaram para a China cerca de 50 milhões de toneladas de soja desde o início do ano até Outubro, devendo esse número vir a aumentar até final do ano devido ao facto de a procura chinesa não mostrar sinais de arrefecimento, de acordo com dados da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove).

O presidente da Abiove, Fábio Trigueirinho, disse ao jornal Notícias Agrícolas que os produtores brasileiros de soja devem terminar o ano numa nota muito positiva, atendendo a que a procura não pára de aumentar.

“As exportações brasileiras de soja não dão sinais de se reduzirem nos próximos meses, facto que é atípico para este período do ano, o que demonstra que há compradores interessados na nossa soja, que posso garantir temos para vender em quantidade.”

Em Outubro, as importações chinesas de soja brasileira registaram um aumento de 132% para 3,4 milhões de toneladas, comparativamente com o período homólogo de 2016, com o produto brasileiro a revelar competitividade no mercado mundial, de acordo com dados das alfândegas da China.

As alfândegas chinesas informaram que em termos acumulados as empresas brasileiras exportaram para o país 46 milhões de toneladas desde o início do ano, quantidade que representa um aumento homólogo de 24,4%. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH