Consórcio britânico-americano vai explorar petróleo em São Tomé e Príncipe

O consórcio petrolífero formado pela britânica BP Exploration Operating Co. Ltd.  e pela norte-americana Kosmos Energy ganhou o direito de prospecção de dois blocos de petróleo da Zona Económica Exclusiva de São Tomé e Príncipe, anunciou segunda-feira em São Tomé o director da Agência Nacional de Petróleo.

Em comunicado enviado à Macauhub em São Tomé, Orlando Pontes sublinha que a decisão resulta de um concurso “restrito” lançado há pouco mais de um mês pelo governo são-tomense através da Agência Nacional de Petróleo referente aos blocos números 10 e 13.

O documento informa também que “a Agência Nacional de Petróleo dará início nos próximos dias às negociações com o referido consórcio com vista à assinatura do Contrato de Partilha de Produção de petróleo e gás” dos blocos em causa.

Além do consórcio vencedor, participou também no concurso um outro constituído pelos grupos português Galp Energia e francês Total.

Além da zona exclusiva, São Tomé e Príncipe dispõe ainda de uma outra de partilha conjunta com a Nigéria, na base de um tratado assinado em 2001 que estabelece 60% das receitas para o Estado nigeriano e os restantes 40% para o arquipélago são-tomense. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH