Consórcio BP/Kosmos assina contractos para prospecção de petróleo em São Tomé e Príncipe

12 March 2018

O consórcio constituído pelas empresas britânica BP Exploration Operating e norte-americana Kosmos Energy assinou dois contractos de prospecção de blocos petrolíferos com a Agência Nacional de Petróleo de São Tomé e Príncipe (ANP-STP), informou sexta-feira em São Tomé o director da agência.

Orlando Pontes disse que o consórcio irá pagar um bónus de assinatura de cinco milhões de dólares por cada contracto, tendo o pagamento de ser efectuado no prazo máximo de 30 dias após a assinatura dos contractos.

Ao abrigo dos contractos, o grupo BP assume-se como o operador dois blocos 10 e 13, ficando o Estado de São Tomé e Príncipe com uma participação de 15% em cada um deles.

Estes contractos são válidos por 28 anos, sendo os primeiros oito destinados a pesquisas sísmicas e os restantes 20 para o desenvolvimento e produção.

O bloco 10 tem uma profundidade média de 2500 metros e uma área de 6839,6 quilómetros quadrados, enquanto o bloco 13 tem uma profundidade média de 3000 metros e cobre uma área de 6776,9 quilómetros quadrados.

Além da zona económica exclusiva de exploração, São Tomé e Príncipe dispõe ainda de uma outra de exploração conjunta com a Nigéria, na base de um tratado que confere 60% de receitas para o Estado nigeriano e 40% para o arquipélago. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH