Angola pretende renegociar dívida externa

20 April 2018

Angola está a tentar renegociar a sua dívida externa que no final do ano passado atingiu 62,8% do Produto Interno Bruto (PIB), revelou em Washington o secretário de Estado para a Economia e Planeamento, Neto Costa, de acordo com a Voz da América.

Neto Costa disse numa conferência de possíveis investidores organizada pelo Banco Mundial e pela Câmara de Comércio Estados Unidos/Angola que o rácio do serviço da dívida face às receitas fiscais era no final do ano passado de 89,4%, tendo o Jornal de Angola escrito que dados mais recentes indicam que a dívida angolana pode ter atingido já 67% do PIB.

O governo de Angola anunciou esta semana ter solicitado o apoio do Fundo Monetário Internacional, mas limitado à coordenação de políticas económicas para ajudar na “execução do programa do governo de estabilização macro-económica.”

O jornal escreveu ainda ter Neto Costa afirmado que que as reservas cambiais de Angola têm vindo a cair desde 2013, quando estavam avaliadas em cerca de 31 mil milhões de dólares, para pouco mais de 13 mil milhões o ano passado.

O governador do Banco Nacional de Angola disse na conferência que Angola precisa de diversificar a sua economia, pois 95% dos seus recursos são provenientes da venda de petróleo, tendo dado como exemplo dessa necessidade o facto de o país gastar mensalmente 250 milhões de dólares na importação de alimentos. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH