Novo satélite espacial de Angola começa a ser construído

23 April 2018

O Angosat-2, o segundo satélite de comunicações de Angola, começa a ser construído terça-feira, disse o ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, que não fez qualquer comunicação formal sobre a situação do Angosat-1, lançado a 26 de Dezembro de 2017 no cosmódromo de Baikonur, no Casaquistão.

O ministro José Carvalho da Rocha concedeu uma entrevista ao Jornal de Angola na qual afirma que o novo satélite deverá ser entregue às autoridades angolanas no prazo de 18 meses, tendo Angola aceitado a proposta apresentada pela empresa espacial estatal Roscosmos para construir o segundo satélite.

O Angosat-2 será mais potente do que o Angosat-1, garantiu o ministro, que reconheceu ter “havido perturbações” no funcionamento do primeiro satélite “praticamente desde o início.”

O ministro garantiu igualmente que a construção do novo satélite não terá custos para Angola, uma vez que o primeiro está coberto por um seguro de 121 milhões de dólares, valor suficiente para a construção de um outro.

A avaliação definitiva do Angosat-1 será feita hoje, segunda-feira, em Luanda, em conferência de imprensa, encontrando-se para esse efeito na capital angolana uma equipa técnica da Roscosmos, consórcio espacial estatal da Rússia que construiu o primeiro satélite angolano. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH