Câmara de Comércio Angola-China assina acordo para facilitar negócios com a China

30 May 2018

A Câmara de Comércio Angola-China (CAC) assina em Junho um acordo de parceria com a Agência Sol Turismo, afecta ao Banco Sol, para apoiar os empresários angolanos que pretendam efectuar negócios com a China, informou o vice-presidente Luís Gomes dos Santos.

Dos Santos disse ainda ao jornal angolano O País que o Banco Sol é associado da CAC e que a parceria pretende facilitar a aquisição de divisas para custear as despesas dos empresários que quiserem deslocar-se à China para negócios.

“O objectivo deste acordo é promover as relações comerciais entre os dois países que actualmente se encontra em declínio, em resultado da actual crise económico-financeira”, disse o vice-presidente da CAC,

Luís Gomes dos Santos salientou que o declínio que se tem verificado nas trocas comerciais entre os dois países afecta particularmente os agentes económicos que operam no comércio e que pretendem trazer mercadorias da China para Angola.

A Câmara de Comércio Angola-China conta actualmente com 800 empresários angolanos e 200 chineses, sendo intenção da actual direcção aumentar esse número para 5000 associados nos próximos anos.

Em 2017, o comércio entre Angola e a China cresceu 43,42% para 22,34 mil milhões de dólares, com a China a ter comprado mercadorias no valor de 20 047 milhões de dólares (mais 45,08%) e a ter vendido bens no valor de 2297 milhões de dólares (+30,45%). (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH