China State Grid poderá concorrer ao leilão de venda da brasileira Eletropaulo

31 May 2018

O leilão para venda da distribuidora de energia Eletropaulo Metropolitana Eletricidade de São Paulo foi adiado para dia 4 de Junho por decisão da Comissão de Valores Mobiliários do Brasil, com os intervenientes neste sector a especularem que a China State Grid vir a apresentar uma proposta de 40 reais por acção, escreveu a imprensa brasileira.

Caso se venha a confirmar, esta proposta seria 25% maior do que a mais elevada até agora apresentada, o lance de 32,20 reais apresentado pelo grupo italiano Enel através da Enel Brasil Investimentos Sudeste, sendo que o grupo espanhol Iberdrola, através da Neoenergia, propôs-se comprar as acções a 32,10 reais a unidade.

O mercado de distribuição de energia eléctrica no Brasil é actualmente liderado pela CPFL, controlado em 94,76% pela State Grid Brazil Power Participações, subsidiária do grupo China State Grid.

Entretanto, Qu Yang, vice-presidente da State Grid Brazil Power Participações, informou em São Paulo que o grupo chinês pretende investir 140 mil milhões de reais (38 mil milhões de dólares) no Brasil ao longo dos próximos cinco anos, a serem aplicados em projectos de transmissão e de produção de energia eléctrica.

Qu adiantou que o investimento no segmento de transmissão excederá 90 mil milhões de reais e acrescentou que a empresa está a analisar projectos de energia solar e eólica no Brasil, tanto nos Estados da Bahia e Rio Grande do Norte como nos do sul do país, de acordo com a agência financeira Reuters. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH