Região do Grande Maputo, em Moçambique, com mais água a partir de 2019

15 June 2018

O ministro das Obras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos de Moçambique, João Machatine disse quinta-feira, que a construção da Estação de Tratamento de Sábiè, na barragem de Corumana, em Moamba, deverá iniciar-se em Julho prolongando-se por 20 meses, segundo escreve o jornal O País.

A estação de tratamento visa o aumento da capacidade de armazenamento de água na barragem e a sua distribuição para o Maputo, Matola, Manhiça e Marracuene, considerada como a zona metropolitana de Maputo.

Machatine disse ainda que dentro do mesmo projecto para aumentar o abastecimento de água à zona do Maputo vão decorrer ao longo de ano e meio obras destinadas ao aumento das comportas da barragem de Corumana permitindo deste modo aumentar a capacidade de armazenamento de água de 720 mil metros cúbicos para 1 400 milhões de metros cúbicos.

A água de Corumana será transportada numa distância de 45 quilómetros até à zona da ponte sobre o rio Incomáti, em Moamba, onde estão instaladas condutas adutoras, que vão transportar água para o centro distribuidor da Machava, na Matola.

O valor para as obras de aumento da capacidade da barragem e o respectivo transporte de água para Cidade de Maputo, Matola, Moamba, Marracuene e Manhiça e Marracuene está orçado em 250 milhões de dólares, sendo o Banco Mundial um dos principais financiadores.

A obra foi projectada no sentido de colmatar a falta de água em consequência da redução das reservas da barragem dos Pequenos Libombos.(Macauhub)

MACAUHUB FRENCH