China analisa apoio à Zona Económica Especial da Economia Marítima de Cabo Verde

20 June 2018

O estudo de viabilidade económica para a construção da Zona Económica Especial da Economia Marítima na ilha de São Vicente, em Cabo Verde, deverá ficar concluído este ano, podendo a China vir a financiar este projecto, informou o encarregado de negócios da Embaixada da China em Cabo Verde.

Wang Feng adiantou que a equipa de técnicos chineses que esteve na ilha a recolher informação para poder elaborar o estudo de viabilidade económica já concluiu os seus trabalhos e acrescentou que o governo da China poderá decidir ainda este ano se vai ou não financiar a construção daquela zona económica especial.

O encarregado de negócios da Embaixada da China prestava declarações à margem de um dia aberto à comunicação social por parte das empresas e instituições chinesas presentes no arquipélago cabo-verdiano, que decorreu nas novas instalações da Universidade de Cabo Verde sob o tema “Diálogo e consenso, construção conjunta, ganhos compartilhados.”

O governo cabo-verdiano tem classificado de importante a execução do projecto da Zona Económica Especial da Economia Marítima, em São Vicente, que fará com que a ilha seja transformada numa plataforma especializada na prestação de serviços na área marítima.

Wang Feng disse ainda que a China está a estudar a possibilidade de investir no sector da agricultura em Cabo Verde, tendo nesse mesmo dia recebido um grupo da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação composto por especialistas chineses, que se deslocou ao arquipélago para estudar o sector agrícola. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH