BCI e BIG lideram sindicato bancário para OPV da Hidroeléctrica de Cahora Bassa de Moçambique

29 June 2018

A Hidroeléctrica de Cahora Bassa (HCB) contratou o moçambicano Banco Comercial de Investimentos e o português Banco de Investimento Global (BIG) para liderar o sindicato bancário que vai organizar, registar, obter autorização, publicitar, lançar e executar a venda de 7,5% das acções da empresa na Bolsa de Valores de Moçambique (BVM), de acordo com um comunicado oficial.

O concurso público para contratar a entidade que irá liderar o processo de venda daquela participação foi lançado em Fevereiro passado, informando o comunicado divulgado nessa altura que a operação seria efectuada através de uma Oferta Pública de Venda.

“O processo de venda de 7,5% das acções da HCB, através da BVM, irá contribuir para a promoção da inclusão económica dos moçambicanos, bem como para a consolidação da credibilidade da Hidroeléctrica junto dos principais parceiros, nacionais e internacionais, com destaque para as instituições financeiras, pois demonstra a adesão da empresa às boas práticas internacionalmente aceites de governação empresarial e de permanente escrutínio público”, frisava o comunicado.

O anúncio da entrada de novos accionistas moçambicanos no capital da HCB foi efectuado em Novembro de 2017 Presidente da República, Filipe Nyusi, na cerimónia que assinalou o décimo aniversário do acordo assinado entre Portugal e Moçambique que sancionou a alteração da estrutura accionista do empreendimento. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH