Macau serve de plataforma para ligar a China aos países de língua portuguesa

O secretário-geral adjunto do Fórum de Macau nomeado pela China manifestou-se satisfeito com os resultados conseguidos pela instituição até à data e disse que Macau serve de plataforma para ligar a China aos países de língua portuguesa na exploração de oportunidades de negócio, ao usar da palavra quinta-feira na capital de Cabo Verde.

Ding Tian, que integra uma delegação do Fórum de Macau que está de visita a Cabo Verde para se inteirar das oportunidades de promoção de negócios no arquipélago, enalteceu o apoio que Cabo Verde tem dado à instituição multilateral e acrescentou “contamos também com este apoio da parte cabo-verdiana para que possamos interagir com os outros participantes do Fórum de Macau na promoção e concretização de projectos”, de acordo com a agência noticiosa Inforpress.

Esta visita ao arquipélago, que reune responsáveis do Fórum, do governo e empresários da provincia chinesa de Qingdao, decorre do acordo assinado entre a Cabo Verde TradeInvest e aquele governo provincial com o objectivo de reforçar os laços de cooperação económica e empresarial entre a China e os países de língua portuguesa.

A presidente da Cabo Verde TraideInvest, Ana Barber, disse por seu turno que esta visita é o culminar de uma abordagem diferente das parcerias em termos de investimentos, salientando, neste sentido, que o trabalho da agência está centrado na atracção de novos investimentos de qualidade.

A delegação, que concluiu quinta-feira a visita a Cabo Verde, incluiu representantes de um grupo de empresas de Qingdao, nomeadamente Ruichang Tech-Industry, Tradcross Tire, Newcity Design Group, Luhaifeng Group, empresas essas ligadas à pesca, comércio, agricultura e comercialização de pneus. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH