Embaixador da China no Brasil anuncia interesse em investimentos em caminhos-de-ferro e transportes urbanos

31 July 2018

O governo da China está interessado em investir em linhas de caminhos-de-ferro e transportes urbanos no Brasil, caso do VLT ou metro ligeiro de superfície e o próprio metropolitano, disse o embaixador Li Jinzhang, que destacou os bons resultados obtidos com investimentos em infra-estruturas portuárias.

O embaixador da China no Brasil disse ainda à Agência Brasil que uma empresa chinesa, que não identificou, apresentou já ao governo do Distrito Federal, onde se localiza a capital do país, Brasília, uma proposta para a construção de um metro ligeiro de superfície.

Li Jinzhang recordou que os governos do seu país e do Brasil já definiram as áreas prioritárias para a realização de investimentos – energia, telecomunicações, infra-estruturas, agricultura e ciência e tecnologia.

“As infra-estruturas são a área mais importante de cooperação bilateral. O governo brasileiro espera que as empresas chinesas aumentem investimentos e o governo chinês também motivará as empresas chinesas a aprofundarem a cooperação nessa áreas”, disse.

Jinzhang afirmou ainda que as autoridades chinesas “têm toda a vontade” em encontrar uma solução para diminuir ou eliminar as sobre-taxas de importação sobre produtos brasileiros, em cuja lista se incluem a carne de frango e o açúcar.

A questão das sobre-taxas chinesas foi um dos assuntos tratados entre o Presidente brasileiro Michel Temer e o seu homólogo chinês Xi Jinping durante a 10.ª cimeira do BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), concluída dia 27 de Julho em Joanesburgo, África do Sul. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH