Angolana Sociedade Mineira de Catoca dá prioridade ao aumento da produtividade

10 August 2018

As prioridades da Sociedade Mineira de Catoca (SMC) para os próximos cinco anos concentram-se na melhoria da eficiência operacional para aumentar a produtividade e as contribuições fiscais, anunciou terça-feira em Saurimo o novo director-geral da empresa.

Benedito Paulo Manuel apontou o início da exploração da mina do Luaxe, a cerca de 25 quilómetros de Catoca, como um dos principais desafios da empresa, depois de os trabalhos de prospecção geológica e de levantamento geofísico se terem iniciado em 2008.

O novo director-geral, citado pela agência noticiosa Angop, defendeu a garantia dos postos de trabalho, melhoria das condições sociais dos trabalhadores e “salários capazes de dar respostas às suas necessidades.”

Benedito Paulo Manuel sucede a Sergei Amelin, russo de nacionalidade, que após três anos de mandato colocou o seu cargo à disposição há uma semana, para assumir novos desafios.

A Sociedade Mineira de Catoca tem como accionistas a estatal Empresa Nacional de Prospecção, Exploração, Lapidação & Comercialização de Diamantes de Angola (Endiama) e o grupo russso Alrosa, com participações iguais de 41%, estando os restantes 18% nas mãos da Lev Leviev International Holding B.V.

Com sede no município de Saurimo, província da Lunda Sul, a empresa é o quarto maior produtor mundial de diamantes e líder angolano com uma quota de 86,3% em volume e 60,3% em valor monetário. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH