Galp vai investir US$ 150 milhões na expansão da rede de postos de abastecimento em Moçambique

31 August 2018

A Galp Energia anunciou que pretende duplicar a presença no mercado de Moçambique em quatro anos através de um investimento de US$ 150 milhões, segundo escreve a imprensa portuguesa.

A empresa, com o investimento previsto, vai reforçar a rede de postos de abastecimento, bem como criar duas novas bases logísticas.

A petrolífera portuguesa prevê passar dos actuais 57 postos para 70 até 2020 mas, ainda em 2018, quer aumentar a rede até aos 60 postos.

O plano de expansão da empresa em Moçambique passa ainda pela construção de duas novas bases logísticas para recepção, armazenagem e expedição de combustíveis nas cidades da Matola e da Beira.

Com este reforço a petrolífera vai ficar com quatro bases logísticas em Moçambique.

A Galp possui uma participação de 10%, no projecto de exploração de gás no Coral Sul, no norte de Moçambique, no qual também participam a italiana Eni e sul-coreana Kogas.

A Galp apresentou recentemente ao Governo o Plano de Desenvolvimento para a primeira fase do projecto Rovuma LNG que é realizado em parceria com a Mozambique Rovuma Venture S.p.A. – uma joint venture entre a ExxonMobil, Eni e CNPC –, a KOGAS e a Empresa Nacional de Hidrocarbonetos (ENH).

A ExxonMobil irá liderar a construção e operação “onshore” e das instalações relacionadas, enquanto a Eni será o operador do “upstream”.(Macauhub)

MACAUHUB FRENCH