Savannah Resources solicita licença mineira ao governo de Moçambique

24 September 2018

A Matilda Minerals, subsidiária do grupo Savannah Resources, apresentou um pedido ao governo de Moçambique para uma licença mineira de uma área com 119 quilómetros quadrados, informou o grupo em comunicado divulgado sexta-feira.

A área abrangida pelo pedido apresentado ao Ministério dos Recursos Minerais e Energia é contígua às abrangidas por dois pedidos previamente apresentados, em Janeiro de 2018, pela Mutamba Minerals Sands, uma subsidiária controlada a 100% do grupo mineiro anglo-australiano Rio Tinto.

O comunicado do grupo Savannah Resources informa ainda que o pedido agora apresentado enquadra-se no projecto de consolidação dos activos de areias pesadas de ambos os grupos, ao abrigo de um acordo de parceria anteriormente assinado.

O grupo informou também que a área abrangida pelo pedido contém diversos minerais cuja quantidade está estimada em 65 milhões de toneladas, sendo que as três licenças, quando reunidas, cobrem uma área de 399 quilómetros quadrados.

A Savannah Resources, empresa que explora depósitos de cobre e de ouro no Omã e de lítio em Portugal, está envolvida neste projecto de areias pesadas em Moçambique em consórcio com o grupo mineiro Rio Tinto, com uma participação de 20%, que poderá aumentar para 35% e 51% após a conclusão do estudo de pré-viabilidade e de viabilidade económica, respectivamente. (Macahub)

MACAUHUB FRENCH