Banca compra apenas parte dos euros colocados em leilão pelo Banco Nacional de Angola

5 October 2018

Os 100 milhões de euros levados a leilão quarta-feira pelo Banco Nacional de Angola (BNA) ficaram por colocar na totalidade, tendo-se os bancos comerciais limitado a comprar 74,53 milhões, informou o banco central em comunicado divulgado quinta-feira.

Este leilão, o 50.º desde que o BNA introduziu o regime de câmbios flutuantes em substituição de anterior de fixação administrativa, a 9 de Janeiro de 2018, representou a primeira vez que as divisas levadas a leilão não foram adquiridas na totalidade.

Na sequência deste leilão, o kwanza voltou a depreciar-se face à moeda europeia, que passou a valer 347,721 kwanzas, o que representa uma depreciação de 46,68% relativamente aos 185,40 kwanzas por euro que era a taxa fixada administrativamente em vigor a 1 de Janeiro.

No leilão de segunda-feira, em que o BNA vendeu 40 milhões de euros, a moeda europeia tinha sido transaccionada à taxa média ponderada de 345,941 kwanzas.

O Banco Nacional de Angola informou no final de Setembro que iria colocar em mercado primário em Outubro o equivalente a 650 milhões de dólares distribuídos por 14 sessões. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH