Construção da Refinaria de Cabinda, em Angola, adjudicada a consórcio United Shine

12 November 2018

A construção da Refinaria de Cabinda foi adjudicada ao consórcio United Shine em parceria com a Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol), informou a estatal em comunicado divulgado sexta-feira.

O comunicado refere ainda que o consórcio terá uma participação de 90% neste projecto, sendo que os restantes 10% serão detidos pela Sonangol Refinação – Sonaref.

O governo de Angola procedeu em 2017 ao lançamento de um concurso internacional para a construção das refinarias de Cabinda e do Lobito, ao abrigo da estratégia de desenvolvimento da actividade de refinação de petróleo em rama no país, tendo recebido 68 manifestações de interesse.

Das sessenta e oito entidades que, inicialmente, manifestaram interesse em participar da construção de uma refinaria em Cabinda e de outra no Lobito, vinte e oito foram apuradas para a Fase Um, das quais sete foram seleccionadas na Fase Dois para concorrerem ao projecto de construção da refinaria em Cabinda, que deverá ter uma capacidade de processamento não superior a sessenta mil barris de petróleo por dia.

Na segunda fase as entidades seleccionadas foram sujeitas à avaliação da sua condição jurídico-legal, competências técnicas e financeiras, sendo que o processo de Cabinda chegou agora ao fim.

O comunicado é omisso quanto às empresas que constituem o consórcio United Shine. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH