Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola vende participação de 25% na Unitel

16 November 2018

A Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol) vai vender a participação de 25% que detém na Unitel, anunciou quinta-feira em Luanda o presidente do grupo estatal.

A Unitel, a maior operadora de telecomunicações móveis em Angola, tem como accionistas, com 25% cada um, a Vidatel, a Geni, a Mercury e a PT Ventures, estando a participação da Sonangol materializada através da Mercury, uma subsidiária de serviços de telecomunicações.

Carlos Saturnino, que prestava declarações após a apresentação do Programa de Regeneração do grupo, anunciou ainda que a empresa apresentou ao Governo uma lista de mais 51 empresas onde tem participações e que pretende alienar em parte ou totalmente, até ao final de Dezembro de 2019.

O grupo pretende ainda “emagrecer” várias das 19 subsidiárias e está a “analisar a mais-valia e o contributo” das suas participações na banca comercial angolana, casos dos bancos de Comércio e Indústria, de Fomento Angola, Angolano de Investimentos e Económico, bem como em fundos de investimento no exterior, incluindo EUA, Singapura e Dubai.

O programa de reestruturação da Sonangol foi aprovado em Setembro pelo Presidente de Angola, tendo sido justificado com a necessidade de encontrar soluções que garantam a sustentabilidade da indústria petrolífera em Angola, centrando a Sonangol no seu negócio principal, ou seja, o petróleo. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH