Banco Mundial financia reparação da principal estrada de São Tomé e Príncipe

21 January 2019

O Banco Mundial vai conceder 27 milhões de dólares a São Tomé e Príncipe para financiar a reparação da estrada que liga a capital São Tomé a Neves, no distrito de Lembá, um percurso de 27 quilómetros, informou a agência noticiosa STP-Press.

Os estudos de engenharia e de impacto sócio-ambiental foram divulgados sexta-feira no decurso de uma sessão de consulta pública sobre o projecto de reparação daquela estrada, cujas obras deverão ter início em Julho próximo.

A estrada entre São Tomé e Neves é considerada a principal do país, sendo nesta última cidade que fica localizada a Rosema, a única fábrica de cerveja do país, bem como os depósitos de combustíveis que chegam ao arquipélago provenientes do estrangeiro, para posterior distribuição por todo o território são-tomense.

Na semana passada, a directora regional do Banco Mundial, Elisabeth Huybens, informou que a instituiçõ que representa ia doar 10 milhões de dólares a São Tomé e Príncipe para ajudar a financiar a construção de uma escola de turismo.

A visita da directora regional visou assegurar a estratégia de empenhamento e parceria entre o Banco Mundial e São Tomé e Príncipe, tendo em conta as prioridades do novo governo do arquipélago empossado há pouco mais de um mês. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH