São Tomé e Príncipe vai pedir nova ajuda financeira ao Fundo Monetário Internacional

1 February 2019

O governo de São Tomé e Príncipe solicitou ao Fundo Monetário Internacional que envie em breve uma nova missão para discutir um programa de assistência financeira, anunciou quinta-feira a instituição multilateral em comunicado divulgado em Washington.

O comunicado, em que a missão liderada pela senhora Xiangming Li permaneceu em São Tomé de 23 a 31 de Janeiro, informa que as autoridades de São Tomé e Príncipe pretendem o regresso de uma missão do Fundo para negociar a eventualidade de um programa de apoio ao abrigo da Facilidade Alargada de Crédito.

“A equipa debateu com o novo governo as respectivas prioridades e visão para o desenvolvimento económico, bem como o desempenho económico e os planos para 2019”, afirmou Xiangming Li.

O comunicado menciona ainda que o governo pretende introduzir reformas fiscais a fim de alargar a base de contribuintes, a fim de distribuir esse peso de forma equitativa e de proporcionar receita que possa ajudar a financiar os serviços públicos, como sejam a prestação de serviços de saúde e de educação e o investimento em infra-estruturas.

São Tomé e Príncipe beneficiou até finais de 2018 de um outro programa de assistência, através do qual o Fundo Monetário Internacional concedeu um financiamento no valor de 6,2 milhões de dólares, ou 60% da quota do país na instituição. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH