Dívida pública interna de Moçambique continua a aumentar, informa banco central

14 February 2019

A dívida pública interna de Moçambique com recurso a Bilhetes do Tesouro, Obrigações do Tesouro e adiantamentos do Banco de Moçambique atingiu no final de Janeiro 112 525 milhões de meticais (1787 milhões de dólares), informou o banco central.

O mais recente comunicado da Comissão de Política Monetária do Banco de Moçambique, de 11 de Fevereiro, adianta que a dívida pública interna aumentou 590 milhões de meticais (9,3 milhões de dólares) no período de tempo que mediou desde a anterior reunião daquela comissão (13 de Dezembro de 2018).

O mesmo documento acrescenta que os montantes acima mencionados não tomam em consideração outros valores da dívida pública interna, tais como contratos mútuos e de locação financeira, assim como responsabilidades em mora.

Apesar do aumento da dívida pública, o Banco de Moçambique refere que as condições actuais da economia moçambicana favorecem a previsão de uma inflação baixa e estável, em torno de um dígito, no curto e médio prazo.

Estas perspectivas são sustentadas pelas expectativas de redução do preço dos combustíveis no mercado internacional e de estabilidade de preços nos principais parceiros comerciais de Moçambique, num contexto de contenção da procura agregada.

No entanto, aquela comissão considerou oportuno manter uma política monetária prudente, tendo em consequência decidido manter inalteradas as principais taxas de referência do mercado, caso da taxa MIMO, que ficou em 14,25%. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH