Governo de Moçambique quer chegar ao final de 2019 com uma agência bancária em cada distrito

15 February 2019

O governo de Moçambique pretende chegar ao final de 2019 com a existência de uma agência bancária em todos os 154 distritos do país, disse esta semana em Maputo a porta-voz do Conselho de Ministros.

Ana Comoana, igualmente vice-ministra da Cultura e Turismo, disse ainda que 107 distritos já dispõem de uma agência bancária, o que significa uma cobertura de 69,5%, sendo meta do governo fazer com que as restantes 47 agencias serão instaladas até ao final do ano.

“O projecto ‘Um distrito, um banco’ foi estabelecido com o objectivo de acelerar o processo de inclusão financeira nas zonas rurais, dotando os distritos com pelo menos uma agência bancária”, disse Comoana, citada pelo matutino Notícias, de Maputo.

Na quarta-feira, o Fundo Nacional de Desenvolvimento Sustentável (FNDS) assinou um acordo de parceria com o banco Millennium bim para o estabelecimento de 12 balcões em igual número de distritos.

O jornal O País escreveu que o governo de Moçambique comprometeu-se a despender cerca de 2000 milhões de meticais (31,7 milhões de dólares) na iniciativa “Um distrito, um banco” para garantir as infra-estruturas necessárias para a abertura de agências bancárias. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH