Grupo francês Castel produz milho em exploração agrícola em Angola

27 February 2019

A exploração agrícola do grupo francês Castel em Angola, localizada no Pólo Agro-industrial de Capanda, deverá colher entre Março e Julho próximos 3200 toneladas de milho, informou o seu responsável, Sebastian Ducroquet, à margem de uma visita do governador provincial de Malanje, Norberto dos Santos.

 

A exploração conta actualmente com 800 hectares plantados com milho, mais 700 do que os 100 hectares que foram plantados em 2018 numa fase experimental, sendo intenção da direcção atingir uma produção de 58 mil toneladas até à maturidade do projecto, em 2021.

 

“Foram já desmatados 1900 hectares dos cinco mil disponíveis, tendo em vista reduzir os custos associados à importação de ‘grits”, disse Ducroquet, segundo a agência noticiosa Angop.

 

Sebastian Ducroquet disse estar em estudo a possibilidade de instalação, em Malanje, de uma unidade de transformação de milho em ‘grits’, dentro de dois anos, antecedido da montagem dos silos, uma mini-hídrica para abastecimento de energia eléctrica à fazenda e às comunidades vizinhas, além do sistema de irrigação e estação de armazenagem.

 

O grupo Castel dispõe em Angola de uma série de fábricas, onde produz refrigerantes, caso das marcas da Coca-Cola Company, bem como cervejas, como sejam a Cuca, Nocal e EKA. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH