Petrobras do Brasil reavalia refinaria em parceria com a China National Petroleum Corporation

26 March 2019

A petrolífera brasileira Petrobras está a reavaliar um acordo preliminar com a China National Petroleum Corporation (CNPC) para construir uma refinaria no estado do Rio de Janeiro, noticiou o jornal Valor Económico.

A Petrobras assinou em Outubro de 2018 um acordo com  China National Oil and Gas Exploration and Development Corporation (CNODC), subsidiária da CNPC, para efectuar um estudo de viabilidade económica para construir o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj).

Quando esse estudo ficasse concluído, as duas empresas pretendiam constituir uma parceria, em que a Petrobras teria uma participação de 80% e a CNPC os restantes 20%, para construir e operar a refinaria.

O jornal brasileiro escreveu ainda que a parceria para a construção de uma parceria colide com as ideias do novo presidente executivo, Roberto Castello Branco, que tem estado a pressionar para que a empresa efectue um processo de desinvestimento, nomeadamente na refinação de petróleo.

A petrolífera brasileira está envolvida num ambicioso programa de desinvestimentos que visa reduzir o elevado nível de dívida da empresa, que terá caído para 69 mil milhões de dólares em 2018, contra 85 mil milhões de dólares em 2017. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH