Cabo Verde tem de melhorar ambiente de negócios para que a economia possa crescer

27 March 2019

O vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças, Olavo Correia, defendeu terça-feira na Praia a necessidade de melhorar o ambiente de negócios em Cabo Verde para que a economia continue a crescer.

A afirmação de Olavo Correia teve lugar por ocasião da assinatura de protocolo entre o governo, as câmaras municipais e os bancos que operam no arquipélago, intitulado “Pacto de financiamento à economia – do global ao local.”

O ministro das Finanças, citado pela agência noticiosa Inforpress, disse ser necesário criar um ambiente em que os privados possam investir nos transportes, na energia, nos portos e nos aeroportos, tendo o Estado o papel de concentrar o seu investimento na educação, saúde, segurança e na criação de oportunidades para os empresários.

Olavo Correia referiu que a economia cabo-verdiana cresce actualmente à taxa de 5,0%, mas que o país ainda apresenta “uma carga burocrática elevada, dificuldades ao financiamento, problemas nos transportes aéreos e marítimos.”

O protocolo assinado visa criar um ambiente favorável ao empreendimento empresarial e facilitar o acesso ao financiamento, bem como promover o crescimento e a competitividade. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH