Turismo de Macau inicia projectos de “turismo inteligente”

27 March 2019

A Direcção dos Serviços de Turismo (DST) procedeu ao lançamento oficial de três projectos de “turismo inteligente”, aproveitando ao máximo a computação em nuvem, informou a instituição em comunicado divulgado terça-feira.

Esses três projectos visam, segundo o comunicado, acelerar o desenvolvimento do “turismo inteligente”, para benefício dos visitantes, da indústria do turismo e dos residentes de Macau.

Em colaboração com a AliCloud, do Grupo Alibaba, os três projectos, actualmente numa primeira fase, são a  “plataforma de troca de dados do turismo”, “aplicação de observação dos visitantes” e “aplicação inteligente do fluxo de visitantes.”

A “plataforma de troca de dados do turismo” é a base dos projectos de “turismo inteligente”, tendo sido criada na rede de computação em nuvem do Governo de Macau, reunindo vários dados relacionados com o turismo do território.

A “aplicação de observação dos visitantes” observa os atributos básicos e o comportamento de grupo dos visitantes, para conhecer a situação, as preferências e comportamentos de viagem dos visitantes em Macau.

Por último, a “aplicação inteligente do fluxo de visitantes” prevê a densidade do fluxo de visitantes em atracções turísticas por um período de quatro horas, 24 horas e sete dias, e emite classificações que facilitam a organização dos itinerários dos visitantes e dos operadores da indústria.

A “aplicação inteligente do fluxo de visitantes” acompanha actualmente 20 das atracções turísticas mais visitadas da cidade, incluindo várias do Centro Histórico de Macau classificado como Património Mundial, assim como outras da Taipa e de Coloane. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH