São Tomé e Príncipe recebe fundos para desenvolver agricultura

O Fundo Internacional para o Desenvolvimento da Agricultura (FIDA) colocou 25 milhões de dólares à disposição de São Tomé e Príncipe para financiar os sectores da agricultura, pesca e desenvolvimento rural, anunciou recentemente a imprensa local.

O representante do FIDA, Bernard Hein, disse que a organização pretende triplicar as verbas à disposição do Projecto de Apoio à Pequena Agricultura Comercial (PAPAC) e acrescentou que o montante concedido visa consolidar os resultados já alcançados ao nível da produção de cacau e do apoio às cooperativas de produção de pimenta e de café.

O ministro da Agricultura, Pescas e Desenvolvimento Rural, Francisco Ramos, disse o ministério que tutela pretende “reduzir progressivamente as importações”, para as substituir “por produtos locais e alargar a base produtiva através do aumento e diversificação da produção agrícola, pecuária e pesqueira.”

A reunião de coordenação ocorrida em São Tomé surge no âmbito da revisão estratégica “Fome Zero” e do Plano Nacional de Investimentos da Segurança Alimentar e Nutricional do governo do primeiro-ministro Jorge Bom Jesus.

O Fundo Internacional para o Desenvolvimento da Agricultura foi criado em 1977, com sede em Roma, tendo por missão fazer com que as populações rurais pobres em países em desenvolvimento possam superar a pobreza. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH