Angola pode ser auto-suficiente em produtos agrícolas dentro de cinco anos

11 April 2019

Angola poderá ser um país auto-suficiente em termos alimentares em quase todos os produtos agrícolas dentro de cinco anos, em resultado dos programas de apoio em curso, disse quarta-feira em Luanda o ministro da Agricultura e Florestas.

Marcos Nhunga mencionou o apoio à agricultura familiar, o aumento das áreas de cultivo e a subvenção do preço dos combustíveis como alguns desses programas, tendo apostado que o ministério que tutela vai apostar fortemente no aumento da distribuição de sementes, de adubos e de charruas de tracção animal.

Para esse efeito, disse o ministro citado pela agência noticiosa Angop, o governo está a trabalhar na mobilização de uma linha de crédito, tanto para a agricultura familiar como para a empresarial, em que ficarão disponíveis 434 milhões de dólares a serem financiados por nove bancos comerciais.

Este programa vai facilitar o acesso ao crédito aos produtores que queiram apostar na produção de 54 produtos, com destaque para os do cabaz básico e outros considerados essenciais, no quadro do  Programa de Produção Nacional, Diversificação das Exportações e Substituição de Exportações (Prodesi).

Marcos Nhunga adiantou que o escoamento dos bens dos locais de produção para os de consumo é um problema transversal, que não depende apenas do ministério que tutela, tendo a ver com a rede de estradas e de logística bem como de locais para armazenamento dos produtos a nível provincial.

O sector agrícola de Angola regista auto-suficiência em raízes e tubérculos, com uma produção anual que excede 15 milhões de toneladas. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH