Telstar é a quarta operadora de telefonia móvel de Angola

15 April 2019

A empresa angolana Telstar – Telecomunicações é a quarta operadora de telefonia móvel de Angola ao ter ganho o concurso público internacional para a atribuição de um novo Título Global Unificado (TGU), informou o director nacional das Telecomunicações.

Pedro Mendes de Carvalho, que sexta-feira anunciou os resultados do concurso público, disse que 27 empresas, das quais 18 angolanas e nove estrangeiras, manifestaram interesse, seis adquiriram os documentos do concurso, três candidataram-se, tendo apenas duas sido convidadas a entregar propostas técnicas e financeiras.

A Telstar – Telecomunicações, Lda foi criada a 26 de janeiro de 2018 e tem um capital social de 200 mil kwanzas, tendo como accionistas o general Manuel João Carneiro (90%) e o empresário António Cardoso Mateus (10%).

O ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, José Carvalho da Rocha, disse na ocasião que a Telstar tem agora de negociar com o Instituto Angolano das Telecomunicações, o regulador do mercado, os termos do pagamento licença de operador, 120 milhões de dólares.

A empresa, adiantou o ministro citado pela agência noticiosa Angop, terá de pagar 15% dos 120 milhões de dólares no prazo de 45 dias e o remanescente em sete anos e negociar com o regulador o conteúdo da licença, em termos de cobertura, tipologia de serviços e postos de trabalho a serem criados.

José Carvalho da Rocha salientou que outra das disposições do concurso é a obrigatoriedade de a Telstar dispersar as suas acções em bolsa de valores “para que qualquer cidadão a elas possa ter acesso.”

Angola dispunha até à data de quatro empresas que prestam serviços de telecomunicações, Unitel, Movicel e Angola Telecom, estando previsto de uma parcela de 45% desta última venha a ser privatizada. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH